Papa expressa pesar por atentado na Nigéria e critica violência

papa-expressa-pesar-por-atentado-na-nigeria-e-critica-violencia

O Papa Bento XVI expressou, neste sábado, 27, seu profundo pesar pelas vítimas do atentado a bomba contra o escritório da ONU em Abuja, na Nigéria, ocorrido nesta sexta-feira. O incidente deixou, ao menos, 18 mortos e numerosos feridos.

Num dúplo telegrama endereçado ao presidente nigeriano, Goodluck Jonathan, e ao Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, o Papa se diz entristecido pela “terrível perda de vidas entre cidadãos nigerianos e funcionários das Nações Unidas”.

Veja também

O Santo Padre renovou o apelo “àqueles que escolheram a morte e a violência” a “abraçarem, ao invés, a vida e o diálogo”. Nos telegramas, assinados pelo Cardeal Secretário de Estado, Tarcisio Bertone, o Pontífice assegurou as suas orações por aqueles que dramaticamente perderam a vida, e rogou ao Senhor para que dê força e coragem aos feridos e àqueles que choram seus entes queridos.

O ataque foi reivindicado pelo grupo terrorista islâmico Boko Haram, que pretende estender a lei islâmica a todo o país. “Tratou-se de um ataque terrível contra quem dedicou a vida a ajudar os outros”, disse o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon.

Deixe uma resposta