Festa de Todos os santos

festa-de-todos-os-santos

Veja também

Neste dia é celebrada a Igreja Triunfante, constituída por todos os bem-aventurados que salvaram sua alma e estão no Paraíso, na posse da visão beatífica de Deus.
Os inumeráveis heróis anônimos, na sua maioria esquecidos pelos demais homens e pela História que ao longo dos tempos foram passando desta vida para a Eternidade em estado de graça e pelos méritos da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo foram sendo admitidos no Paraíso – todos esses, embora esquecidos na Terra, são santos e são honrados pela Igreja neste dia.
“Vi uma grande multidão que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas. Estavam de pé diante do Trono e diante do Cordeiro, de vestes brancas e palmas na mão.”
Esta visão narrada por são João Evangelista, no Apocalipse, fala dos santos aos quais é dedicado o dia de hoje. A Igreja de Cristo possui muitos santos canonizados e a quantidade de dias do calendário não permite que eles sejam homenageados com exclusividade. Além desses, a Igreja tem, também, muitos outros santos sem nome, que viveram no mundo silenciosamente e na nulidade, carregando com dignidade a sua cruz, sem nunca ter duvidado dos ensinamentos de Jesus.
Enfim, santos são todos os que foram canonizados pela Igreja ao longo dos séculos e também os que não foram e nem sequer a Igreja conhece o nome e que nos precederam em vida na terra perseverando na fé em Cristo. Portanto, são mesmo multidões e multidões. Ele ama todos do mesmo modo. O que vale é o nosso testemunho de fidelidade e amor na fé em seu Filho, o Cristo, e que somente Deus conhece.
Como mesmo entre os canonizados muitos santos não têm um dia exclusivo para sua homenagem, a Igreja reverencia a lembrança de todos, até os sem nome, numa mesma data. A celebração começou no século III, na Igreja do Oriente, e ocorria no dia 13 de maio.
A festa de Todos os Santos ocorreu pela primeira vez em Roma, no dia 13 de maio de 69, quando o papa Bonifácio IV transformou o Panteão, templo dedicado a todos os deuses pagãos do Olimpo, em uma igreja em honra à Virgem Maria e a Todos os Santos.
A mudança do dia começou com o abade inglês Alcuíno de York, professor de Carlos Magno, perto do ano 800. Os pagãos celtas entendiam o dia 1º de novembro como um dia de comemoração que anunciava o início do inverno. Quando eles se convertiam, queriam continuar com a tradição da festa.
Assim, a veneração de Todos os Santos lembrando os cristãos que morreram em estado de graça foi instituída no dia 1º de novembro.
O papa Gregório IV, em 835, fixou e estendeu para toda a Igreja a comemoração em 1º de novembro.
Oficialmente, a mudança do dia da festa de Todos os Santos, de 13 de maio para 1º de novembro, só foi decretada em 1475, pelo do papa Xisto IV. Mas o importante é que a solenidade de Todos os Santos enche de sentido a homenagem de Todos os Finados, que ocorre no dia 2 de novembro.

(function() {
var po = document.createElement(‘script’); po.type = ‘text/javascript’; po.async = true;
po.src = ‘https://apis.google.com/js/plusone.js’;
var s = document.getElementsByTagName(‘script’)[0]; s.parentNode.insertBefore(po, s);
})();

Mais para você:

  • Origem do Dia de FinadosOrigem do Dia de Finados O Dia de Finados é o dia da celebração da vida eterna das pessoas que já faleceram. É celebrar essa vida eterna que não vai terminar nunca. Pois, a vida cristã é viver em comunhão […]
  • Dia de Todos os SantosDia de Todos os Santos Dia de Todos-os-SantosTodos-os-Santos, de Fra Angelico.Nome oficial Festum omnium sanctorumTipo CristãoSeguido por Católicos, Ortodoxos, AnglicanosData 1 de novembro (Ocidente)Domingo após […]
  • Ladainha de Todos os Santos (ouça)Ladainha de Todos os Santos (ouça) A Ladainha dos Santos (em latim, Litania Sanctorum) mais conhecida em português como Ladainha de Todos os Santos é uma oração da Igreja Católica, e uma invocação ao […]
  • Padre Paulo Ricardo – A festa do HalloweenPadre Paulo Ricardo – A festa do Halloween Padre Paulo Ricardo Neste episódio inédito de “A Resposta Católica”, Padre Paulo Ricardo fala sobre o Halloween. Qual a origem dessa festa e como ela assumiu os contornos que vemos […]

Deixe seu comentário