Escravos DA BESTA

escravos-da-besta
Escravos da Besta Parte 3

3) Insensibilização dos Indivíduos, Homens e Mulheres: (TCE)

Há vários anos que advertimos que os planejadores da Nova Ordem Mundial enfrentam a mesma dificuldade que Hitler enfrentou quando se preparava para iniciar a matança de 18 milhões de pessoas, incluindo 6 milhões de judeus. Ele precisava de homens jovens que estivessem dispostos a “puxar o gatilho”. Se os rapazes e moças alemães não estivessem dispostos a participar no Holocausto, Hitler não teria condições de executá-lo. No entanto, para sua satisfação, muitos rapazes tinham sido dessensibilizados, emocionalmente embrutecidos, por meio de vários elementos na sociedade alemã antes da ascensão de Hitler ao poder, e a mão-de-obra para puxar o gatilho era na verdade abundante.

Não é preciso descrever o sucesso que Hitler obteve. Bastaram alguns discursos mais inflamados e um apelo ufanista e exacerbado à nacionalidade e à superioridade da raça ariana, para que ele criasse em pouco tempo um verdadeiro exército de kamikazes e assassinos, prontos a defender os pontos de vista daquele carniceiro.

Veja também

(TCE) As necessidades dos planejadores da Nova Ordem Mundial são idênticas em natureza, mas muito maiores em abrangência. Enquanto Hitler precisou de mão-de-obra para matar seus 18 milhões, os planejadores da Nova Ordem Mundial precisam de mão-de-obra para matar 4 bilhões de pessoas.Quais são os elementos na nossa sociedade que podem estar embrutecendo as mentes e as emoções da nossa juventude? Quais são os elementos comuns que alcançam todo país, de norte a sul, de leste a oeste e que possam manipular a população juvenil? Logicamente, nossa mídia de massa: TV, rádios, revistas, jornais, computadores, para citar apenas alguns. Você vê algo nessas mídias que possa embrutecer nossa juventude, que possa dessensibilizá-la?

Se você ainda não percebeu algo na juventude rebelde de hoje, na violência que prega e vive, no aumento progressivo dos esportes radicais, nas lutas e artes marciais e até mesmo em esportes violentos como o boxe – onde mais se ganha dinheiro no “esporte”-, então é certo que até mesmo seu coração já se acostumou com a bestialidade. Precisa, então, tomar cuidadopara amolecer em tempo este coração, para não vir mais tarde a participar do exército assassino e exterminador da besta.

A. Televisão(TCE)

1) Desenhos Animados – provavelmente a mais violenta de todas as programações e que está dessensibilizando as crianças, que são jovens demais para conseguirem distinguir realidade de fantasia. Sabe-se que as crianças que assistem a muitas horas de desenhos animados passam a reagir de forma violenta com as outras crianças.

Se você duvida disso, observe o número crescente da violência infantil, com tantos casos de assassinatos em série,de vinganças programadas por menores e o terrível crescimento do número de gangs infantis em ação emmuitas partes do mundo. Se num único desenho de cinco minutos do “Pernalonga” há 200 cenas de violência, onde ele “mata” friamente os seus “adversários” e estes “ressuscitam” a cada vez, não é de se estranhar que os meninos, principalmente, sintam-se tentados a matar, quem sabe até na certeza de que estãonuma cena de desenho animado.(?)

2) (TCE) Programas de Violência mostram “ações” de violência e mais violência e violência gratuita. Não há dúvida que a Bíblia condena esse tipo de programa.É possível ver alguma “virtude” nesses programas violentos? Pais, é hora de proibir que suas crianças – mas especialmente as crianças mais vulneráveis, seus meninos – assistiam a esse tipo de programação. Você está insensibilizando seus filhos! Você os está entregando diretamente nas mãos dos planejadores da Nova Ordem Mundial.

Há uns meses comprei um computador usado, apenas para jogos mais moderadospara as crianças. Pois o bicho tinha nas entranhas um jogo chamado “Blood”, tão terrível e violento que parecia espirrar sangue na tela. Assim que meu filho ligou o computador, funcionando perfeito na outra casa, ele simplesmente explodiu. Aí mandei arrumar as peças queimadas e na oficina estava OK. Entrementes, mandei o técnico deletar aquele pavoroso jogo. Pois mal foi ligado o computador em minha casa, explodiu de novo. É que o técnico havia só “deletado” o jogo e não “desinstalado”, restando resquícios dele ainda. Só depois de formatar o winchester é que podemos usar o computador. Atribuo claramente estes transtornos à existência daquele jogo. Pense bem: em quantas casas que não se reza mais existem tais coisas demoníacas? Você pai, você mãe, que sente a sua casa “carregada”, o ambiente de seu lar “pesado”, já viu por acaso os demônios que estão dentro dos computadores e jogos de seus filhos?

(TCE) Você gostaria de saber, possivelmente no Tribunal de Contas de Cristo, que seu amado filho foi um dos matadores no exército do Anticristo? Muitos pais alemães, pessoas decentes e cristãs, descobriram essa horrível verdade sobre seus filhos após o término da Segunda Guerra Mundial.

Você acha impossível que isso aconteça? Pois creia que basta surgir um novo e ainda pior “Hitler”, ou seja “Maitreya”, com um discurso fogoso, inflamado e mentiroso, isso tudo recheado com falsos prodígios e mentiras,para milhares de jovensseguirem-no cegamente, tornado-se verdadeiros animais ferozes. A sua TV e os programas e jogos de violência os prepararam para isso! Assim, seu filho que joga o “Blood” e não sente repulsa por ele, é um belo candidato a assassino. Querem continuar deixando-o jogar, deixem, mas depois não venham com arrependimento tardio.

3) (TCE) Programas que mostram sexo ou insinuações sexuais. Estes programas são terrivelmente prejudiciais e insensibilizam os jovens em formação. Os meninos adolescentes já estão naturalmente mais interessados em sexo, devido à ação dos hormônios e as mocinhas estão no auge da beleza. Nos dias atuais, já é difícil para os pais manter seus filhos puros, sem a contaminação com o lixo mostrado na programação da TV e no cinema. Em muitos casos, sem o conhecimento dos pais, as crianças rapidamente passam dos programas com insinuações sexuais para a pornografia suave ou pesada. Além disso, como conseqüência dessa influência, os rapazes começam a desenvolver uma cruel “mentalidade de usuário” em relação às mulheres.

Ora, ninguém é ingênuo a ponto de imaginar que não ultrapassamos já todos os limites das alimárias e das feras neste sentido. Mesmo os seres mais bestiais que a fauna já produziu, e mesmo as civilizações mais torpes que a terra criou, estão há anos luz de distância atrás de nosso homem “moderno”, em questão de sexo. Ontem mesmo alguém me enviou um texto pela Internet, onde um “funkeiro” envia uma carta para uma menina, falando sobre “música”, onde diz: “Como é que o cara quer fazer sucesso, sem tratar mulher como lixo”? A partir daí, traz uma série de letras medonhas, com os mais chulos termos da gíria, próprias do forró e do funk. Coisa realmente bestial! No fim, termina dizendo: “ Você, cadela… quero dizer mulher, que está lendo isso, levante-se e lute! Não seja uma cachorra! Um tapinha dói, sim! Exija respeito, antes que nós, homens, acreditemos que é isso mesmo que vocês querem…”

Viram, meus queridos pais e mães de “funkeiros”! Já olharam para as cartas que seus filhos acaso escrevem uns para os outros? Pois eu digo com toda a clareza e segurança: o menino que escreve uma coisa ordinária destas é já um pequeno rebento de Lúcifer! Falta muito pouco para ser um demônio vivo completo! E agora eu pergunto: quem vai controlar esta gente? Os homens? A sociedade? O governo? A polícia? Ora, deixem-nos rir um pouco! Aguardem, pois, para breve a manifestação da justiça divina!

B. Rádio: (TCE) A mais cruel influência no rádio, e outros canais de áudio, é a música popular, especialmente a Música Rock. O Rock, e especialmente a MTV, tem uma grande responsabilidade pela insensibilização dos rapazes. Quais são os temas freqüentes na música Rock? Existem sete temas principais.

(1)Nihilismo — atitude negativa em relação à vida, sem oferecimento de soluções.

Esta atitude, geralmente, é a que leva às drogas e à degeneração da sociedade. É esta falta de perspectivas que corrói a juventude como um câncer.

(2)Suicídio — é explicitamente encorajado.

Primeiro como forma de diminuir a população, depois como forma de afrontar ao nosso Deus, que é um Deus da Vida.

(3)O homem é simplesmente uma máquina aperfeiçoada.

Com isso, tira-se dele os sentimentos, tornando-o num criatura bestial, pronta para se tornar um assassino ou um soldado matador da besta negra.

(4)Violência e rebelião.

Se os bailes “funks” e os “rock in Rio” ainda não o fizeram ver isso, então continue achando assim; quem sabe seu filho será “a próxima vítima”. Quem sabe a sua filha é uma das que vai para lá de micro saia e sem calcinha, para transarem público e com todos quantos puder. E dê-lhe gravidez precoce. E dê-lhe AIDS. Nos dois!

(5)Sexo é o mais antigo dos temas.

Não o sexo com amor procriativo, de origem divina, é claro, mas com bestialidade de instintos e com toda a perversão das bestas; o exemplo dos bailes funks relatado acima serve também para aqui. Bestial, hediondo!

Página 1

Deixe uma resposta