CD Neukomm – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI

cd-neukomm-missa-solemnis-pro-die-acclamationis-johannis-vi

A invasão francesa a Portugal, em 1807, trouxe sérias consequencias à História do Brasil. A invasão forçou a transferência da Família Real e toda a corte para o Rio de Janeiro, fato que afetou diretamente a administração e a vida da cidade e de toda a colônia. Mas trouxe também consequencias pra música.

Logo após a chegada, o Príncipe Regente decidiu fundar a Capela Real do Rio de Janeiro, igual à Capela que havia em Lisboa. Sua função era realizar todas as cerimônias pertinentes à monarquia, como solenidades de Estado, datas nacionais, Missas e festas de santos, aniversários da Família Real, etc. A Capela contava com toda uma estrutura eclesiástica grandiosa, o que incluía, claro, um importante corpo musical. No caso da Capela Real brasileira, que foi fundida com a Catedral do Rio de Janeiro, um grupo de músicos brasileiros foi aos poucos incorporando instrumentistas e cantores que, a partir de 1810, foram chegando de Lisboa. Entre esses, alguns célebres castrati, e o Mestre de Capela Marcos Portugal, que tomaria a frente da Capela carioca, ainda que oficialmente dividisse esse cargo com o padre José Maurício Nunes Garcia.


Mas o ponto mais alto da Capela Real do Rio de Janeiro seria a cerimônia deAclamação do novo rei, D. João VI, em fevereiro de 1818. Em 1816 morria a rainha, D. Maria. Após terminado o luto oficial, celebrou-se o casamento do príncipe da Beira, D. Pedro, com a arquiduquesa Leopoldina, em 1817. Em 5 e 6 de fevereiro de 1818, pela primeira e única vez, um monarca europeu foi aclamado em solo americano, ocasionando assim uma festa inigualável na capital do império português. Para esta cerimônia, como era costume nas grandes solenidades, foi encomendada música ao Mestre de Capela, Marcos Portugal, e esta foi executada na ocasião – um Te Deum e uma Missa. Mas outra música, da mais alta qualidade, foi composta para tanto. E seu compositor era Sigismund Neukomm.

Sigismund Ritter von Neukomm era um respeitado compositor austríaco, segundo suas próprias palavras “aluno preferido de Haydn”. Neukomm já trabalhara na Rússia e em Viena, antes de entrar no serviço do príncipe de Talleyrand, importante ministro francês. Como parte da missão que visava reaproximar as relações entre Portugal e a França, chegou ao Rio em 1816, e foi nomeado professor de música dos príncipes. Neukomm compôs várias obras no Brasil, interessou-se pela música local e escreveu artigos musicais publicados na Europa. Algumas de suas obras devem ter sido executadas na Capela Real, onde também é provável que tenha atuado algumas vezes como organista.

Neukomm interessou-se também pela Aclamação do novo rei (os reis portugueses não eram coroados), e para tanto compôs uma grande Missa, que hoje trazemos: a Missa Solemnis pro die Acclamationis Johannis VI. Esta Missa revela o estilo de Neukomm como discípulo de Haydn, solene e com uma massa sonora poderosa, apesar de incorporar alguns elementos do estilo operístico italiano, moda na corte carioca, e explorada ao limite por Marcos Portugal. Segundo Neukomm, foi o despeito de Marcos Portugal que impediu que essa sua grande Missa fosse executada nas solenidades oficiais. O que é certo é que seria difícil ter a obra de um Austríaco na mais importante cerimônia da monarquia portuguesa.

Esta gravação ao vivo tem a regência de Jean-Claude Malgoire, e conta com o Choer de Chambre de Namour e a orquestra La Grande Écurie et la chambre du Roi. Por ela é possível se ter uma idéia do ambiente de grandiosidade e excelência que acompanhou a corte lusitana no Brasil, e do tamanho e da qualidade da Capela Real, para a qual Neukomm compôs a obra. Malgoire faz jus a tudo isso com facilidade, tornando famosa uma das melhores e mais importantes músicas já compostas no Brasil.

Canções:

Veja também

01 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 1. Kyrie.
02 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 2. Gloria.
03 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 3. Laudamus te.
04 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 4. Adoramus te.
05 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 5. Gratias agimus tibi.
06 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 6. Domine Deus.
07 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 7. Qui tollis.
08 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 8. Quoniam.
09 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 9. Cum Sancto Spiritu.
10 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 10. Credo.
11 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 11. Et incarnatus.
12 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 12. Et resurrexit.
13 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 13. Sanctus.
14 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 14. Benedictus.

15 – Missa Solemnis pro Die Acclamationis Johannis VI 15. Agnus Dei.

Download Católico 

Deixe uma resposta